Início Pecuária Agricultura Aquicultura Horticultura TV Criar e Plantar

Busca no Site

Seções

Capivara


Manejo Sanitário

Por ser um animal silvestre rústico, a capivara é bem mais resistente a doenças que os demais animais domésticos, todavia quando mantida em cativeiro pode apresentar algumas enfermidades, muitas das quais adquiridas de outros animais.A maioria delas são parasitas intestinais, que podem ser combatidos com o uso de vermífugos, basta apenas misturar o medicamento junto com os complementos alimentares, sempre estando atendo as informações e posologia do produto. Em geral os vermífugos usados para o roedor são os mesmo utilizados em suínos, bem como nas mesmas dosagens.

O calendário para desvermifugação varia de acordo com o sistema de criação: intensivo a cada 60 dias;  semi-extensivo a cada 90 dias; extensivo a cada 120 dias.

Todavia, dependendo do parasita e do estado do animal, as datas podem ser modificadas, a melhor coisa continua sendo procurar um técnico responsável como um zootecnista ou veterinário.

A principal doença que acomete a capivara é o mal das cadeiras ou mal dos quarto, que é uma doença típica de eqüinos, e transmitida por um protozoário. Os sintomas são: febre, corrimentos nas genitálias, pontos de hemorragias nas mucosas, andar cambaleante, paralisia dos membros posteriores. Se o animal apresentar estes sintomas, deve ser isolado  e o procurar imediatamente um técnico.
Email:
Senha:


Esqueci Senha
Cadastre-se
Receba as notícias
© 2001 - 2013 Criar e Plantar - Todos os direitos reservados