Início Pecuária Agricultura Aquicultura Horticultura TV Criar e Plantar

Busca no Site

Seções

Codorna


Generalidades

Origem das codornas

A codorna pertence a ordem das Galináceas, família das Faisánidas, subfamilia dos perdicinae e do gênero Coturnix, existindo grandes quantidades de espécies, as mais conhecida e difundida é a Coturnix Coturnix, conhecida como codorna européia ou selvagem.  Com a introdução desta ave no Japão e, através de cruzamentos, surgiu então a  subespécie  Coturnix Coturnix Japonica, conhecida como codorna japonesa ou doméstica.

O que diferencia a codorna européia da codorna japonesa  é o peso quando na fase adulta, sendo a primeira a mais indicada para corte devido ao seu maior peso (170g aproximadamente), enquanto que a codorna japonesa atinge  pesos menores na fase adulta (150g), fato compensado por sua alta postura de ovos. Ainda há a codorna americana, chamada de Bob White, esta juntamente com a européia são as codornas  mais indicadas para a produção de carne, o que se deve ao seu maior peso. 

De maneira geral, as codornas apresentam grande produção de ovos, precocidade sexual, fácil manuseio, carne considerada exótica.

No Brasil as codornas foram introduzidas pelos imigrantes, principalmente os europeus e os japoneses, estes últimos que ainda são os principais responsáveis pela produção nacional.

Características das codornas

 A cabeça possui grande mobilidade porque o pescoço, curto, permite uma rotação quase que completa. Os ossos são frágeis. O tronco é redondo e resistente, mal desenvolvido nas fêmeas.

Quando adulta, a ave mede de 11 a 13 centímetros de altura. As penas têm tonalidade cinzento-acastanhada e castanho esbranquiçada. Pela coloração das penas peitorais é possível definir o sexo da ave: o macho apresenta coloração relativamente uniforme, e a fêmea é ligeiramente branca, com pintas pretas no peito, esta diferenciação pode ser observada após 14 dias de vida, quando as aves já apresentarem as penas do peito.Outra característica de diferenciação é peso maior das fêmeas em relação aos machos, isso ocorre devido ao elevado peso do aparelho reprodutivo das fêmeas, muito desenvolvido, podendo representar 10% do seu peso vivo. As codornas ainda apresentam as seguintes características:

 

-          Crescimento rápido - em poucas semanas atinge peso adulto.

 

-          Precocidade sexual - decorrente de seu rápido crescimento, a codorna atinge a mturidade sexual com aproximadamente 40 dias de vida, ou seja inicia a fase de postura com idade precoce, o que é vantajoso econômicamente.

 

-           Alta postura – para fins comerciais recomenda – se uma vida útil para as codornas de 1 ano. Dentre deste período, a produção de ovos pode chegar a valores superiores a 300 ovos/ave, quando bem manejadas e alojadas.

 

-          Alta rusticidade – são consideradas aves de boa resistência a uma grande diversidade de  doenças, porém em caso de criações comerciais, devido ao grande número de animais alojados num mesmo local, a possibilidade de propagação de doenças é muito grande, por isso deve – se realizar adequadamente as medidas profiláticas, que devem conter: vacinações, higienização, fornecimento de alimentos e água de boa procedência.

 

-          Baixo consumo alimentar  - visto que um animal adulto consome em média de 23 a 25 gramas de ração por dia. 

 

Email:
Senha:


Esqueci Senha
Cadastre-se
Receba as notícias
© 2001 - 2013 Criar e Plantar - Todos os direitos reservados