Início Pecuária Agricultura Aquicultura Horticultura TV Criar e Plantar

Busca no Site

Seções

Bovino de corte


Canchim

 

Generalidades

A raça canchim foi criada a partir da rusticidade do nelore somada á produtividade do charolês, visando exatamente às qualidades de resistência e produtividade. O gado zebu, introduzido no Brasil no século passado, foi largamente utilizado em cruzamentos absorventes nos rebanhos de gado crioulo no país. O gado indiano, conhecido pela sua habilidade de viver nos trópicos, adaptou-se de tal forma em nossa terra que em pouco tempo povoou grandes extensões de campos nativos, melhorando consideravelmente a pecuária de corte nacional.

Apesar de sua rusticidade, verificou-se ser o gado zebu inferior às raças européias quanto à precocidade e rendimento de carne, sendo necessário uma melhora genética dos bovinos existentes.

A raça utilizada nos trabalhos de cruzamento para formação do gado canchim foi a charolesa, por se tratar de uma raça de grande rendimento e, segundo a Associação Brasileira de Criadores de Canchim (ABCCan), a única raça européia especializada para corte a apresentar condições satisfatórias de adaptação natural ao Brasil Central.

Características

O canchim é fruto de um trabalho científico que visa viabilizar economicamente a obtenção de carne de melhor qualidade nas condições brasileiras. O touro canchim, cobrindo a campo vacas aneloradas, produz novilhos precoces e cumpre a finalidade qual foi idealizado, destacando-se e relação a outras raças.

Se comparado com touros de raças zebuínas, produz o mesmo número bezerros, porém com qualidade superior, pois são mais pesados; em relação aos touros de raças européias ele produz bezerros com o mesmo peso, porém em maior quantidade.

Os novilhos precoces, fruto do cruzamento de vacas aneloradas touros canchim por cobertura a poderão ser abatidos até os 18 meses, se confinados após a desmama; até 24 meses, se confinados na terminação; e aos 30 meses, se criados exclusivamente a pasto.

Há poucos anos, o padrão revisto visando enquadrar cada mais o canchim dentro dos principais requisitos da pecuária de corte:

- a precocidade no ganho de peso;
- a precocidade na maturidade sexual e
- a precocidade no acabamento da carcaça.

Como conseqüência foi introduzida a obrigatoriedade da medida da circunferência escrotal para registro dos machos. Como é sabido, o tamanho da circunferência escrotal tem alta correlação com o ganho de peso e maturidade sexual dos filhos descendente daquele reprodutor.

O regulamento de exposições, seguindo o mesmo caminho, tem procurado selecionar reprodutores voltados para as características da precocidade. Destaca-se a exigência de certificado de prenhez para fêmeas antes de 21 meses de idade e exame andrológico para machos antes dos 18 meses de idade, como condição obrigatória para participação dos animais nas exposições por toda sua vida, exigências estas em que a raça canchim foi pioneira entre todas as raças.

Padrão da raça

Uma análise dos padrões raciais adotados pela Associação Brasileira de Criadores de Canchim - ABCCan, ao longo do tempo, mostra que o tipo morfológico da raça é um animal deporte médio, forma quase cilíndrica, mais volumosa no traseiro.

Outras características podem ser observadas:

- pelagem: cinza, vermelha e branca;
- pele: solta, abundante e escura, com pêlos curtos, densos e brilhantes;
- orelhas: de tamanho médio;
- chifres: ovais;
- dorso e lombo: largos, compridos, retos e amplos;
o perfil é retilíneo ou subcôncavo;
- olhos: cor castanha;
- focinho: enfumaçado em várias tonalidades de róseo;
- peito: largo, profundo e saliente;
- pescoço: comprimento médio;
- umbigo: médio;
- cabeça: forma de ataúde com tamanho, peso, largura e comprimento médios;
- cascos: com boa base, são bem conformados, podem ser escuros, claros ou rajados.

Cruzamento industrial

A raça zebuína que mais contribuiu para a formação do canchim foi a indubrasil; contudo, foram utilizados também animais guzerá e nelore. Deuse preferência aos animais indubrasil pela facilidade de se obter um plantel numeroso e a preços razoáveis, o que teria sido difícil em se tratando de vacas das raças gir, nelore ou guzerá.

O objetivo dos programas de cruzamentos alternados foi obter de um lado, mestiços 5/8 charolês - 3/8 zebu e, de outro lado, animais 3/8 charolês - 5/8 zebu, e avaliar um esquema mais indicado para esses cruzamentos. Melhorando, assim, geneticamente a população bovina.

Ganho de peso

Como base para referendar a capacidade de ganho de peso da raça, a ABCCan menciona um trabalho realizado pela Universidade Federal de Goiás (UFG), como objetivo de avaliar o desempenho (ganho de peso) de animais puros, em sistema de confinamento, sem qualquer tipo de cama e todos os animais permanecendo sob as mesmas condições de ambiente (final da seca e chuvas), ou seja estavam expostos ao sol, chuva e vento.

Foram utilizados dez machos, não castrados, desmamados, de cada uma das seguintes raças: nelore, canchim, brangus, simental, blonde d'aquitaine, pardo-suiço e holandês. Os animais da raça canchim apresentaram boa adaptabilidade, resistência, bom desenvolvimento corporal e ganho de peso, superando as outras raças em determinados aspectos.

Com base nos resultados comprovou-se que a raça é uma boa opção para o desenvolvimento e aumento da eficiência para a produção de carne na região Centro-Oeste.

Melhoramento genético

Diversas raças já estabelecidas há muitos anos, têm melhorado e se modernizado basicamente por meio da seleção dos melhores reprodutores. A raça canchim, por ser raça sintética, permite, por meio do desenvolvimento de novos sistemas de acasalamento, usar a seleção ocorrida nas suas raças formadoras, além da seleção na própria raça, como fator muito importante para o seu desenvolvimento.

São muitos os criadores de canchim que trabalham na formação de novas linhagens. Hoje o nelore, em grande evidência, domina totalmente como raça zebuína na formação do canchim.

Melhoramento e modernização racial são atividades de extrema importância para o desenvolvimento, fazendo da raça um campo fértil para essas atividades e um desafio extremamente interessante para o criador.

Email:
Senha:


Esqueci Senha
Cadastre-se
Receba as notícias
© 2001 - 2013 Criar e Plantar - Todos os direitos reservados