Início Pecuária Agricultura Aquicultura Horticultura TV Criar e Plantar

Busca no Site

Seções

Marreco


Manejo da criação

Só devemos utilizar reprodutores de raças puras. Seus abrigos devem ficar em terrenos secos porque, embora aves aquáticas, são muito sensíveis à umidade. É preferível água corrente para eles beberem e nadarem, mas podemos utilizar, também tanques. Quando não há água para os reprodutores nadaram, o número de ovos "claros" é muito grande, pois os acasalamentos são realizados na água. Somente os marrequinhos para corte não devem nadar, pois comem mais e engordam menos, devido ao exercício. Precisam, no entanto, de água suficiente para beber e mergulhar todo o bico, para lavá-lo, evitando que restos de comida entupam suas narinas. A proporção é de 1 macho para 4 a 5 fêmeas, o que significa a produção de 300 a 500 ovos ou 200 a 400 marrecos para carne por ano.

Produção de ovos

Para a produção de ovos para consumo, não há necessidade de machos, pois as marrecas botam mesmo sem acasalamento. Como vão botando em qualquer lugar, mesmo quando estão nadando, é melhor prendê-las até às 11 horas da manha, para evitar a perda dos ovos que afundam na água.

Incubação

Os ovos devem ser frescos (máximo de 10 dias), sem defeitos, médios, de casca resistente e principalmente de boa origem. Devem ser lavados e guardados 24 horas antes de ser começada a incubação que dura de 28 a 30 dias. Necessitam de mais umidade que os ovos de galinha. Para a incubação, são empregadas aves ou chocadeiras. Os marrequinhos Podem ser criados pelas aves que incubaram os ovos, em criadeiras de diversos tipos, ou sobre "camas" com fonte artificial de calor (lâmpadas, campânulas etc.), até 15 dias de idade. Devem ficar sem comer durante 24 horas após a eclosão do ovo. Depois da primeira semana, praticamente só morrem por acidentes, pois são muito resistentes. Com 15 a 20 dias já podem ser soltos nos parques ou cercados com abrigos e já podem nadar.

Os pisos dos abrigos ou galpões podem ser de areia, palha, maravalha fina etc., desde que bem secos. A luz deve ficar acesa à noite, pois os marrequinhos dormem menos, comem durante esse período e se desenvolvem mais rapidamente. Os destinados à reprodução podem ser mantidos nesses cercados, formando os lotes de reprodutores. Os ovos Embora bons para consumo e maiores do que os de galinhas, não têm a mesma aceitação e seus preços são praticamente os mesmos.

Email:
Senha:


Esqueci Senha
Cadastre-se
Receba as notícias
© 2001 - 2013 Criar e Plantar - Todos os direitos reservados