Início Pecuária Agricultura Aquicultura Horticultura TV Criar e Plantar

Busca no Site

Seções

Pimentão


Considerações Gerais

O tomateiro já existia na Bolívia e no Peru. Os Incas e os Maias já o conhecia como tomate. Desses países, as sementes seguiram para o sul do México, onde o tomateiro foi encontrado pelos espanhóis, em poder dos aztecas. Eles melhoram suas qualidades: gosto, aspecto etc. Desse país, os espanhóis levaram as sementes para a Espanha e, de lá para a Itália e, para outros países da Europa. Na Itália, o tomate ficou conhecido como POMO D’ORO (FRUTA DE OURO), tanta era sua utilidade. Da Europa, o tomateiro foi introduzido pelos colonizadores portugueses, no Brasil, depois do descobrimento, (a partir de 1.500)

Do Brasil, as sementes foram levadas para os Estados Unidos, pelos ingleses, sabendo das suas virtudes, desde o século XVII. A Itália foi causadora da cultura de tomate em todo o país, e no restante da Europa, porque conseguiu industrializar o fruto, além de apreciá-lo como salada. A exportação de macarrão, de massas de pizzas, obrigou os importadores ao uso obrigatório do molho de tomate.

Email:
Senha:


Esqueci Senha
Cadastre-se
Receba as notícias
© 2001 - 2013 Criar e Plantar - Todos os direitos reservados