Início Pecuária Agricultura Aquicultura Horticultura TV Criar e Plantar

Busca no Site

Seções

A horticultura


Generalidades

Introdução

Definição: Horticultura é o cultivo do Horto, ou seja, é a subdivisão da agricultura que trata da exploração econômica das plantas.

Divisão: A horticultura divide-se em cinco ramos:
1. Olericultura: estuda as hortaliças
2. Floricultura: estuda as flores
3 . Fruticultura: estuda as frutas
4. Silvicultura: estuda as florestas
5. Arquitetura paisagista: estuda os parques e jardins.

1. OLERICULTURA

Generalidades

Importância econômica
A cultura das hortaliças, pelo alto valor que alcança no mercado, é uma exploração agrícola altamente compensadora.

O uso de modernas técnicas agronômicas possibilita, aos que a elas se dedicam, a obtenção de altos rendimentos. A introdução de novas e excelentes variedades hortícolas aliadas à observância, das épocas mais adequadas de plantio, do combate as pragas e moléstias, de técnicas adequadas na colheita e na embalagem do produto, assegura um sucesso certo e rápido para todos os que desejarem realmente levar a sério a moderna Olericultura.

Importância alimentar:
O valor alimentício e medicinal das hortaliças é sobejamente conhecido de todos.

Experimentos levados a efeito por cientistas de todas as partes do mundo mostraram a necessidade que o homem tem das vitaminas e sais minerais.

Sendo as hortaliças fonte natural desses elementos, pode-se avaliar sua necessidade na alimentação.

As hortaliças, além de serem ricas nos elementos citados, apresentam propriedades medicinais que muito as recomendam. Algumas espécies atuam como calmante, estimulante, diuréticas ou controladoras da atonia das vias digestivas, etc. Cita-se, a seguir, algumas espécies olerícolas que possuem essas propriedades alimentícias e medicinais.
  • Alface: rica em sais minerais e vitaminas “A”, “B”, “C”, “D”, “E”, é ótimo calmante e diminui a irritação da conjuntiva;
  • Beterraba: rica em açúcares, vitaminas e sais minerais. Atua como diurético;
  • Couve-flor: preciosa fonte de vitamina “B”, sais minerais e açúcares;
  • Espinafre: ótima fonte de ferro e é indicado no tratamento das diabetes;
  • Giló: seus frutos agem como diuréticos. As folhas e outras partes da planta atuam como depurativos, combate a gota e é febrífugo. Age eficazmente no combate ao impaludismo.
  • Pimentão: rico em vitamina “C” e propriedades diuréticas,
  • Rabanete: rico em enxofre, estimulante quando consumido cru e atua como calmante e antiescorbútico.
  • Repolho: rico em vitaminas “A”, “B”, “C” e é ótima fonte de ferro, cálcio e fósforo.
  • Salsa: riquíssimo alimento em vitamina “C”. Ë excitante, diurético e estimulante.
  • Tomate: ótimo fornecedor de vitaminas “C” e do complexo “B”. E aconselhado no tratamento de artrite, gota e previne ácido úrico.
Classificação

Aqui, neste capítulo genérico, adotaremos a seguinte Classificação das Hortaliças:

Verduras: são as hortaliças cujas partes comestíveis são: folhas, flores, botões ou hastes. Exemplo: alface, chicória, espinafre, couve-flor, repolho.

Legumes: são as partes utilizadas na alimentação são frutos, sementes ou partes subterrâneas. Exemplo: tomate, ervilha, cebola, cenoura, berinjela, beterraba, mangarito etc.

Condimentos: são todas as hortaliças com a finalidade de melhorar ou diversificar o paladar, podem ser aqui agrupadas. Exemplo: pimenta, cebolinha, coentro, camomila, manjericão, salsa etc.
Email:
Senha:


Esqueci Senha
Cadastre-se
Receba as notícias
© 2001 - 2013 Criar e Plantar - Todos os direitos reservados