Início Pecuária Agricultura Aquicultura Horticultura TV Criar e Plantar

Busca no Site

Seções

valor nutritivo - Por lourival netto

gostaria de saber o minerais presentes no coloniao e seu valor nutritivo

05/05/2009 12:34:52
lucas zanoni - Zoot Jr USP

O capim colonião é da família dos Panicum maximum, ou seja, são muito exigentes em fertilidade do solo, necessitam de um grande aporte de água, possuem hábito de crescimento ereto e tem uma produção de matéria seca (MS) muito boa.
As características bromatológicas deste capim são, em média:
MS verão = 27 %;
FDN verão = 71 % (fibra em detergente neutro);
Lignina verão = 4 %;
Proteína bruta verão = 16 %;
MM = 11%
Segundo Underwood (1981) 22 elementos minerais são considerados essenciais para a vida dos animais, sendo sete classificados como macronutrientes minerais - cálcio (Ca), fósforo (P), potássio (K), sódio (Na), cloro (Cl), magnésio (Mg) e enxofre (S) - e quinze elementos traços ou micronutrientes minerais - ferro (Fe), iodo (I), zinco (Zn), cobre (Cu), manganês (Mn), cobalto (Co), molibidênio (Mo), selênio (Se), cromo (Cr), vanádio (V), flúor (F), sílica (Si), níquel (Ni), arsênico (As), estanho (Sn).
Listando alguns macro e micro minerais presentes no capim colonião assim como suas respectivas concentrações : (Ca (%) = 0,58; P (%) = 0,15; Mg (%) =0,28; K (%) = 1,58; Zn (ppm) = 31; Fe (ppm) = 154; Cu (ppm) = 4,2; Co (ppm) = 0,09;
Ocorrem variações dessas características conforme a época do ano, pois o aporte de água, de luz solar, de temperatura, do vigor da planta, entre outros, influenciam nesses aspectos.
O teor de FDN quantifica a fração do material composto por celulose, hemicelulose e lignina. São estes os compostos que formam a estrutura celular ou parede celular. A celulose e a hemicelulose são compostos que são aproveitados por animais que possuem sistema digestivo com fermentação ruminal. Já a lignina é um componente não é bem aproveitado pelos ruminantes e é muito pouco digestível, ou seja, quanto maior o teor de lignina menor é a qualidade nutricional da forragem.
Referência:
1- SOUZA, J.A. et al. (ano não disponível). Composição morfológica e químico-bromatológica do capim Colonião manejado intensivamente durante a primavera, verão e outono, disponível em , acesso em 22/06/2011.


05/07/2011 13:46:36

Você só pode comentar se estiver logado.

Email:
Senha:


Esqueci Senha
Cadastre-se
Receba as notícias
© 2001 - 2013 Criar e Plantar - Todos os direitos reservados